Livro: Harmonioso e doce lar

O mestre budista Chagdud Rinpoche aponta os caminhos da convivência amorosa e pacífica

Texto: Raphaela de Campos Mello

Harmonioso e doce lar | <i>Crédito: Divulgação
Harmonioso e doce lar | Crédito: Divulgação
Em qualquer tempo e cultura, relacionamentos são sempre desafiadores. Por isso, Chagdud Tulku Rinpoche (1930-2002), lama da escola Nyingma de Budismo Vajrayana tibetano e fundador do centro budista Chagdud Gonpa Brasil, com sede em Três Coroas, no Rio Grande do Sul, propõe um entendimento possível: tornar tanto as relações amorosas quanto a educação dos filhos uma prática espiritual em si. De que forma? Ele explica com graça no livro Harmonia em Casa – Ensinamentos Budistas para a sua Família (64 págs.). Confira, a seguir, duas pequenas amostras.

Casamento

“Não há dúvida de que a vida de casado é um desafio. Não precisamos nos prender a uma ideia fixa de como o relacionamento deveria ser, mas sim aprender como não perturbar um ao outro, como alcançar alegria e harmonia cada vez maiores. Quando coisas das quais não gostamos acontecem, podemos trabalhar com a aversão na própria mente, no contexto da prática do Darma – os ensinamentos de Buda –, em vez de tentar fazer com que o companheiro mude. Essa atitude também é muito importante quando decidimos ter fi lhos. Se o casal se trata com respeito e amor e tenta resolver pacificamente quaisquer problemas que possam surgir, os filhos
terão um exemplo para desenvolver seus próprios relacionamentos positivos e bem-sucedidos.”

Pais e filhos

“Se o pai e a mãe disciplinam os filhos, é fácil para alguém de fora da família discipliná-los também. Basicamente, a disciplina não é efetiva se não acontece em um ambiente de bondade amorosa. Ela também deve ser administrada com muita coerência; de outra forma, as crianças não terão respeito por aqueles que as estão disciplinando. Isso é muito difícil aqui no Ocidente, porque não há muito entendimento dentro das famílias, ou entre famílias e professores, sobre como disciplinar crianças. Se pais e professores trabalharem juntos e se, da mesma maneira, os pais apoiarem-se mutuamente, a disciplina poderá ser efetiva.”

HARMONIA EM CASA
Ed. Makara, R$ 12,50

11/10/2017 - 09:00

Conecte-se

Revista Bons Fluidos