Dicas simples para começar a meditar

Se não conseguir controlar as divagações nas primeiras práticas, relaxe. Com o tempo fica mais fácil

Bons Fluidos Digital

Dicas simples para começar a meditar | <i>Crédito: Divulgação
Dicas simples para começar a meditar | Crédito: Divulgação

Existem diferentes maneiras de aquietar a mente, confortar o corpo e encontrar a paz de espírito. Para descobrir a que mais se adequa a você, é preciso se dedicar e experimentar caminhos diversos – e nem sempre fáceis. No começo, se você não conseguir controlar as divagações da mente, não se preocupe. Com o tempo, ficará mais fácil reconduzir o pensamento ao foco de atenção. 

Para ajudá-lo a se preparar, siga cinco passos simples indicados pelo professor de ioga Wladmir Pimentel, da Academia Competition, em São Paulo, e não desista.


 

1-      Escolha uma posição confortável

Ao acordar, sente-se com as pernas cruzadas numa posição estável e confortável. As mãos descansam sobre as pernas, joelhos ou pés (de acordo com a posição em que você estiver). Mantenha as costas retas, os ombros e músculos da face relaxados.

 

2-      Respire pelo nariz

Comece a observar a sua respiração e, aos poucos, respire de forma lenta e suave, sempre pelo nariz, para poder soltar o ar de forma controlada.

 

3-      Ignore os pensamentos "intrusos"

Cada vez que você perceber que sua mente foi tomada por algum pensamento, a dica é deixar esse pensamento para depois e voltar a observar a sua respiração.

 

4-      Foque no ponto entre as sobrancelhas

Se precisar, conte a respiração em 4 segundos e mantenha a mente focada no ponto entre as sobrancelhas.

 

5-    Crie uma rotina

Para sentir os benefícios da meditação em sua vida, faça com que a prática se torne rotineira. Repita o exercício todas as manhãs durante 15 ou 20 minutos, aumentando esse tempo aos poucos. Você vai perceber que terá muito mais saúde e energia.

 

17/10/2017 - 14:38

Conecte-se

Revista Bons Fluidos